Centro Cultural Recoleta e Design Center

O atual Centro Cultural Recoleta abrigava em seus primórdios o convento dos monges recoletos. Construído em 1732 pelo arquiteto Andrea Bianchi o edifício passou por usos diversos (abrigo de mendigos, quartel, hospital, casa de repouso e outros) até que o arquiteto Juan Antonio Buschiazzo agregou ao projeto original novos pavilhões mantendo os claustros praticamente intactos. No final da década de 70, foi projetado o Centro Cultural pelos arquitetos Jacques Bedel, Luis Benedit e Clorindo Testa que mantiveram a estrutura original incluindo elementos ecléticos que misturam o estilo colonial com traços italianos e modernos. Atualmente, o centro dispõe de 27 salas de exposição, um espaço para cinema, auditório e anfiteatro onde exposições, recitais, concertos e eventos em geral acontecem juntamente com cursos, oficinas e pesquisas. A visita à loja de souvenirs vale à pena, pois muito da literatura produzida pelas universidades sobre arte contemporânea argentina pode ser encontrado por lá.

Ver também:

Arquitetura portenha: relação de edifícios “emblemáticos” e sua localização na cidade de BA

Texto muito bacana da Revista AU em que todo o processo de concepção e linguagens de projeto dos arquitetos acima citados é detalhadamente descrito. É uma tremenda AULA sobre arquitetura. Vale a leitura!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s